Posts com Tag ‘#MusicMonday’

#MusicMonday – Faith No More – Epic

Publicado: 11 de junho de 2012 em Música
Tags:

Faith No More é uma banda de rock estadunidense formada em São Francisco, Califórnia em 1981 e que retornou às atividades em 2009 após uma pausa de 11 anos. É considerada um dos maiores grupos de rock dos anos 1990, e entre as canções suas de maior sucesso estão “Epic” e “Falling to Pieces” do disco The Real Thing (1989), “Midlife Crisis” e “Easy”, cover do grupo americano The Commodores, as duas do álbum Angel Dust (1992), além de outro sucesso, a canção “Ashes To Ashes” do álbum Album of the Year de 1997.

“Epic”, com seu arranjo grandioso que faz jus ao título da música, vocal hip-hop e refrão grudento, arrematou o nº 9 na parada de singles da Billboard e teve o videoclipe exibido a exaustão na MTV americana.

 

Epic – Faith no More

Can you feel it, see it, hear it today?
If you can’t, then it doesn’t matter anyway
You will never understand it cuz it happens too fast
And it feels so good, it’s like walking on glass
It’s so cool, it’s so hip, it’s alright
It’s so groovy, it’s outta sight
You can touch it, smell it, taste it so sweet
But it makes no difference cuz it knocks you off your feet

You want it all but you can’t have it

It’s cryin’, bleedin’, lying on the floor
So you lay down on it and you do it some more
You’ve got to share it, so you dare it
Then you bare it and you tear it

You want it all but you can’t have it
It’s in your face but you can’t grab it

It’s alive, afraid, a lie, a sin
It’s magic, it’s tragic, it’s a loss, it’s a win
It’s dark, it’s moist, it’s a bitter pain
It’s sad it happened and it’s a shame

You want it all but you can’t have it
It’s in your face but you can’t grab it

What is it?
It’s it
What is it?…

Ouça mais músicas em #MusicMonday

Anúncios

#MusicMonday – Etta James – At Last

Publicado: 23 de janeiro de 2012 em Música
Tags:

Etta James, também conhecida pelo apelido de Miss Peaches, foi uma cantora americana de Blues, R&B, Jazz e Gospel.

A cantora norte-americana Etta James, uma das maiores vozes da história do jazz e do blues, morreu na última sexta-feira (20/01/2012), aos 73 anos. A artista havia sido diagnosticada com leucemia em 2011.

At Last – Etta James

At last my love has come along
My lonely days are over
And life is like a song

Ohh yeah yeah
At last
the skies above are blue
My heart was wrapped up in clover
The night I looked at you

I found a dream, that I could speak to
A dream that I can call my own
I found a thrill to press my cheek to
A thrill that I have never known

Ohh yeah yeah…
You smile, you smile
oh And then the spell was cast
And here we are in heaven
For you are mine at last

Ouça mais músicas em #MusicMonday

#MusicMonday – Faith no More – Epic

Publicado: 7 de novembro de 2011 em Música
Tags:

Faith No More é uma banda de rock estadunidense formada em São Francisco, Califórnia em 1981 e que retornou às atividades em 2009 após uma pausa de 11 anos. É considerada um dos maiores grupos de rock dos anos 1990, e entre as canções suas de maior sucesso estão “Epic” e “Falling to Pieces” do disco The Real Thing (1989), “Midlife Crisis” e “Easy”, cover do grupo americano The Commodores, as duas do álbum Angel Dust (1992), além de outro sucesso, a canção “Ashes To Ashes” do álbum Album of the Year de 1997.

A banda ganhou notoriedade no Brasil com a passagem constante do vídeo musical de “Epic” na MTV local e com uma aclamada apresentação no Rock in Rio II. O Faith no More volta ao Brasil no dia 14 de Novembro para apresentação no Festival SWU.

Epic – Faith no More

Can you feel it, see it, hear it today?
If you can’t, then it doesn’t matter anyway
You will never understand it cuz it happens too fast
And it feels so good, it’s like walking on glass
It’s so cool, it’s so hip, it’s alright
It’s so groovy, it’s outta sight
You can touch it, smell it, taste it so sweet
But it makes no difference cuz it knocks you off your feet

You want it all but you can’t have it

It’s cryin’, bleedin’, lying on the floor
So you lay down on it and you do it some more
You’ve got to share it, so you dare it
Then you bare it and you tear it

You want it all but you can’t have it
It’s in your face but you can’t grab it

It’s alive, afraid, a lie, a sin
It’s magic, it’s tragic, it’s a loss, it’s a win
It’s dark, it’s moist, it’s a bitter pain
It’s sad it happened and it’s a shame

You want it all but you can’t have it
It’s in your face but you can’t grab it

What is it?
It’s it
What is it?…

Ouça mais músicas em #MusicMonday

#MusicMonday – Celso Blues Boy – Mississipi

Publicado: 31 de outubro de 2011 em Música
Tags:

Celso Blues Boy é um cantor, compositor e guitarrista brasileiro. Começou a tocar profissionalmente na década de 1970, acompanhando Raul Seixas e Sá & Guarabyra. Montou a banda Legião Estrangeira em 1976, com a qual se apresentava em bares e casas de show. Passou a ser mais conhecido a partir de 1980, quando mandou uma fita para a Rádio Fluminense, no Rio, voltada para o repertório roqueiro. Gravou o primeiro disco em 1984, “Som na Guitarra”, que incluía seu maior sucesso: “Aumenta que Isso Aí É Rock’n Roll”. Um dos primeiros a cantar blues em português, escolheu o nome artístico em homenagem ao ídolo B.B. King, um dos pais do gênero, com quem também tocou na década de 1980.

Celso é um dos maiores artistas brasileiros, reconhecido internacionalmente e citado pela revista BackStage como um dos 20 maiores guitarristas do mundo. Em Mississipi, faz uma homenagem ao pai do Blues, Robert Johnson, e conta com a participação do Rei do blues, B.B. King. 

Mississipi – Celso Blues Boy

Houve um caso estranho
Há muito tempo atrás
Que até hoje se escuta falar
Sobre um desconhecido
Que depois virou um mito
E sumiu prá nunca mais voltar
Repete intro
Teria feito um trato
Numa encruzilhada
Prá tocar o blues como nunca tocou
Dizem que vendeu
Sua alma ao diabo
Que em troca lhe ofereceu
Say hey, hey
He wanted to be
The eternal king of the blues
O velho Mississipi
Ficou desconfiado
Até que se enfureceu
O meu filho preferido
Não tem trato com o diabo
O corpo e a alma dele são meus
O diabo não gostou
Mas como a água apaga o fogo
Teve mais é que se contentar
E no rio Mississipi
Nosso herói vive até hoje
Como o eterno rei do blues

Ouça mais músicas em #MusicMonday

#MusicMonday – Matanza – Mesa de Saloon

Publicado: 17 de outubro de 2011 em Música
Tags:

Matanza é uma banda de rock and roll do Rio de Janeiro. Sua música é uma mistura de hardcore punk, country e heavy metal, formando assim, o gênero que a mídia intitulou de “countrycore”.

Se você acha que o rock nacional está perdido, estes quatro cariocas podem ajudar a mudar essa idéia com a sua bem-vinda criatividade e autenticidade. No fim das contas, é rock nacional com culhões.

 

Mesa de Saloon – Matanza

Primeiro dia fora da cadeia estadual
Ela que eu encontro bem na porta a me esperar
Num conversível com motor ligado
Que acabara de roubar
De volta na estrada, hoje é comemoração
Um maço de cigarros e uma garrafa de gin
Saindo da cidade estacionou e disse:
“Espera aqui por mim”.

Movimentação estranha e tiroteio
Um saco de dinheiro voa no banco de trás
Agora são mais duas horas sem pisar no freio
Tanque cheio, pé embaixo, não me pega mais

Esse destino que de novo me enganou
Meu primeiro dia livre começou
Comigo em fuga outra vez

Foi numa mesa de bar que a conheci
Bem no meio do saloon me apaixonei
E logo na manhã seguinte eu descobri
Com ela eu não consigo mais viver dentro da lei

Tanto tempo tinha que eu não via um pôr-do-sol
Melhor seria sem tanta sirene atrás de mim
Há muito tempo que eu não via a confusão
Ficando feia assim
E toda hora entra mais um na perseguição
Há quase quatro dias dirigindo sem dormir
E mesmo com a estrada bloqueada
Ela não pára de sorrir

Passando pelo posto de gasolina
Em meio a um vazamento na tubulação de gás
Eu vou sentir saudades desses olhos de menina
A ponta de cigarro acesa voa lá pra trás
O meu relógio no minuto em que parou
Foi achado tão longe de onde estou
Com ela em paz sem mais ninguém

Foi numa mesa de bar que a conheci
Bem no meio do saloon me apaixonei
E logo na manhã seguinte eu descobri
Com ela eu não consigo mais viver dentro da lei

Ouça mais músicas em #MusicMonday

Judas Priest é uma banda britânica de heavy metal que foi criada em meados de 1969, em Birmingham. A banda vendeu cerca de 40 milhões de discos em 40 anos de existência, influenciando um número significativo de bandas de heavy metal e hard rock durante o processo. Adaptando peso, velocidade, melodia contagiante e roupas de cabedal com detalhes em metal, os Judas Priest fizeram história.

Essa é, simplesmente o maior hit da banda, conhecida e admirada tanto pelos headbangers mais radicais como pelo público que ouve as “rádios-rock”. Extremamente simples, é exatamente aí que reside seu principal apelo. Sem solos, com uma letra curta e um refrão do tipo que apenas repete seu nome, Breaking The Law tornou-se uma das músicas preferidas dos fãs de metal.

Breaking the Law – Judas Priest

There I was completely wasting
Out of work and down
All inside it’s so frustrating
As I drift from town to town
Feel as though nobody cares
If I live or die
So I might as well begin
To put some action in my life

Breaking the law, breaking the law

So much for the golden future
I can’t even start
I’ve had every promise broken
And there’s anger in my heart
You don’t know what it’s like
You don’t have a clue
If you did you’d find yourselves
Doing the same thing too

Breaking the law, breaking the law

You don’t know what it’s like

Ouça mais músicas em #MusicMonday

#MusicMonday – Ramones – Pet Sematary

Publicado: 25 de julho de 2011 em Música
Tags:

Ramones foi uma banda estadunidense de punk rock formada em 1974.

A maior alavanca para o sucesso tardio dos Ramones  foi a inclusão da faixa “Pet Sematary” do disco “Brain Drain” na trilha sonora do filme de mesmo nome de Stephen King. Grande fã dos Ramones, o próprio King foi responsável pela indicação da banda.

 

Pet Sematary – Ramones 

Under the arc of a weather stain boards
Ancient goblins, and warlords
Come out of the ground, not making a sound
The smell of death is all around
And the night when the cold wind blows, no one cares, nobody knows

I don’t want to be buried in a Pet Cemetery
I don’t want to live my life again

Follow Victor to the sacred place
This ain’t a dream, I can’t escape
Molars and fangs, the clicking of bones
Spirits moaning among the tombstones
And the night, when the moon is bright
Someone cries, something ain’t right

I don’t want to be buried in a Pet Cemetery
I don’t want to live my life again

The moon is full, the air is still
All of a sudden I feel a chill
Victor is grinning, flesh rotting away
Skeletons dance, I curse this day
And the night when the wolves cry out
Listen close and you can hear me shout

I don’t want to be buried in a Pet Cemetery
I don’t want to live my life again

Oh no, oh no
I don’t want to live my life again, oh no, oh oh
I don’t want to live my life again, oh no, no, no
I don’t want to live my life again, oh oh

Ouça mais músicas em #MusicMonday